Cansado mas feliz (Amor Terror na Vox Trooper Tour - 8 & 9 - Beja e Rio Maior)

8 - Beja - 406km 
Já a algum tempo que ansiávamos esta jornada.
Começou com a tentativa de por 3 pessoas e uma coluna de baixo dentro de um 106. Impossível.
Insano.
Se não fosse a boa vontade da Rita Rodrigues, o concerto de Amor Terror na Galeria do Desassossego, não existiria - Obrigado por nos ter emprestado o carro.
E que pena seria.
Beja é bela cidade. Tem tempo próprio. As gentes são afáveis e fazem questão de receber bem.
O local é uma antiga taberna com centenas de anos, em plena zona histórica.
Ficamos surpreendidos com a diversidade da plateia. Tanto de idades com de estilos.
O único senão é a hora a que os concertos têm de acabar. À uma e vinte no máximo dos máximos. (Fiquei a saber que um dos vizinhos da Galeria do Desassossego é um Gnr reformado com um feitio particular).
Tudo correu num instante. Jantar, concertos, conversas com os locais – Abraço ao Gonçalo – e em menos de nada estamos a preparar o regresso.
Obrigado por tudo e até uma próxima. O jantar estava excelente.
Duas horas e picos depois, estávamos em casa a descarregar.

9 - Rio Maior - 88km
Seguiu-se Rio Maior.
Ambiente totalmente diferente.
A organização ficou a cargo do Paulo Louro e dos seus Maiorais. A Vox Trooper Tour invadiu o In a Bar numa noite chuvosa.
Não muita chuva. Só mesmo para intervalar com o frio.
Tudo correu tranquilamente.
Subimos a palco perto da meia-noite para um concerto bem conseguido. Divertimo-nos muito.
Foi fixe ver caras conhecidas no público. Algumas repetentes, outras em estreia absoluta. Um agradecimento especial a vocês que vão de propósito ver e apoiar Amor Terror, com tanto carinho.
Obrigado pelos aplausos.

O Quentin estranhou as horas dos passeios desse fim-de-semana.

Estava de rastos quando cheguei a cama.
De rastos mas feliz.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Dinosaur Love by Harry Baker

O que é ser rude?

A Dieta - 1 - Abotoar é um verbo sério